31 de jan de 2013

O que fazes com o que trazes dentro de ti?


balão_interior_força_vontade 

"Era uma vez um homem que vendia balões numa praça da cidade.
Evidentemente, o homem era um bom vendedor, pois deixou um balão vermelho soltar-se e elevar-se no ar, atraindo, desse modo, uma multidão de pequenos jovens compradores de balões.
Ali perto estava um menino negro a observar o vendedor e, é claro apreciar os balões.
Depois de ter soltado o balão vermelho, o homem soltou um azul, depois um amarelo e finalmente um branco.
Todos foram subindo até sumirem de vista. O menino, de olhar atento, seguia a cada um. Ficava imaginando mil coisas, mas uma coisa o aborrecia, o homem não soltava o balão preto.
Então aproximou-se do vendedor e lhe perguntou:
- Senhor, se o senhor soltasse o balão preto, ele subiria tanto quanto os outros?
O vendedor de balões sorriu compreensivamente para o menino, rebentou a linha que prendia o balão preto e enquanto ele se elevava nos ares disse:
- Não é a cor meu filho, é o que está dentro dele que o faz subir.
Fonte: Recebido por email. Autor desconhecido.

Desde pequenos que começamos a ser programados para a vida, alguns programados para vencer, outros programados com limitações. A história destes balões, com um menino negro, serve para mostrar que neste caso ele pensava que o balão preto não subiria, talvez pela comparação das dificuldades que se vivem em África, e ele achar que terá de viver da mesma forma, transportando essa energia para o balão por analogia, pensava que o balão não subiria.

Vivemos muitas vezes com limitações e medo, ou transmitem-nos certos medos, tens de acreditar na tua força , a que está no teu interior, que é capaz de ultrapassar os maiores obstáculos, faz emergir de dentro de ti essa força e capacidade que tens dentro, tal como o balão,  é o que está dentro de ti que vai fazer com que atinjas os teus objetivos  .
Pensa:
  • Não é o tipo de transporte ou carro que tens que te leva ao destino, mas tua vontade de lá chegar.
  • Não é a roupa que usas que te carateriza, mas o teu ser.
  • Não são as ferramentas que tens que fazem o trabalho, mas a tua capacidade de as usar.
  • Não é um curso que faz o teu trabalho, mas a tua capacidade de usar os conhecimentos."

Bom dia!



30 de jan de 2013

O Mito de Sísifo


Na mitologia grega, reza a história, que Sísifo foi condenado a empurrar uma rocha muito pesada até ao cimo de uma montanha. Quando estava mesmo a chegar ao topo da montanha, a rocha voltava a rolar pela encosta abaixo. Sísifo tinha então de recomeçar uma vez mais o mesmo esforço, empurrando novamente a rocha até ao cimo da montanha. Toda a sua vida foi assim, mecância, repetitiva, vazia de significado e sem a recompensa inerente ao sentimento de missão cumprida.

Albert Camus, vê em Sísifo o ser que vive a vida ao máximo, odeia a morte e é condenado a uma tarefa sem sentido, como o herói absurdo. Não obstante reconheça a falta de sentido, Sísifo continua executando sua tarefa diária. Camus, apresenta o mito para, trabalhar uma metáfora sobre a vida moderna, dando o exemplo de trabalhadores em empregos fúteis em fábricas e escritórios. "O operário de hoje trabalha todos os dias da sua vida, faz as mesmas tarefas. Esse destino não é menos absurdo, mas é trágico, quando apenas em raros momentos, ele se torna consciente".

Talvez o nosso trabalho seja uma condenação e a nossa vida uma tragédia rotineira. Talvez, num lampejo de consciência, Sísifo tivesse reconhecido o peso de seu infortúnio representado pelo enorme rochedo da materialidade e da inutilidade; consideraria que ele próprio, com a sua mente e sua sensibilidade, estaria assemelhando-se ao rochedo, e que seria necessário reverter aquele processo monótono, cíclico, repetitivo.


http://pt.wikipedia.org/wiki/O_Mito_de_S%C3%ADsifo 


"Talvez fosse possível mudar a rotina absurda de dias, anos e séculos. Preso, no entanto, à mitologia, criado que fora para cumprir esta finalidade pedagógica, nada pode mudar. Ele prossegue no seu tormento para que possamos superar o nosso; é um herói trágico e absurdo. Para o ser humano existe a possibilidade de modificar a rotina absurda, de lançar longe o rochedo das misérias, da ignorância e da inconsciência; deixar de repetir os dias, os anos e as vidas sem variação alguma para construir o próprio destino. A pedra de Sísifo tem, nos dias de hoje, outros nomes, mas é inútil o trabalho de erguê-la. Deixemos que o rochedo role ladeira abaixo e que Sísifo prossiga como mito. Pensemos que poderemos superar aquele trabalho rotineiro, inútil e sem esperança modificando a nossa vida, o nosso presente e o nosso futuro." Nagib Anderáos Neto
Ao ler o livro "Zen e a arte de amar" de Brenda Shoshanna, pude verificar uma outra perspectiva ou forma de encarar este mito. Do ponto de vista do Zen, nós devemos simplesmente deixar de empurrar a rocha montanha acima. Devemos cortar a nossa ligação com os padrões mecânicos e a falsa noção de que, o que desejamos seja o que for é exterior a nós. Quando estamos na dependência de que o mundo exterior nos preencha, mais tarde ou mais cedo a rocha que estivemos a empurrar até ao cimo da montanha começará de novo a rolar pela encosta. As circunstâncias alteram-se, o sentido de nós próprios vacila com as mudanças forjadas pelo tempo. Ao entrarmos na prática do Zen, a nossa capacidade a vários níveis desenvolve-se a partir de uma outra base. Passa por um processo interior, deste modo somos obrigados a deixar de agir de forma cega e aprendemos a observar tudo o que surge, tanto no nosso interior como no exterior. Tal como disse um grande mestre Zen: "o Zen consiste apenas em apanhar o nosso casaco do chão e colocá-lo no seu devido lugar."
O Zen é absolutamente simples, e é nisso que reside o seu poder. Toda a gente, quem quer que seja, tem a capacidade de o praticar, não se requer nada de especial, apenas a vontade de ser aquilo que se é.



Bali - Indonésia


Bali, um destino, que pretendo descobrir!
Bali é uma das 13 667 ilhas da Indonésia!
A palavra Bali, com a qual a ilha foi batizada no século IX, deriva da palavra Wali. Wali ou Wari era o termo com o qual os nativos, que muito veneravam seus deuses,
chamavam o acto de adoração.
 É conhecida pelas suas manifestações culturais, como a dança, a escultura, a pintura, o trabalho em couro e metais e a música.

Bom dia!


 Se

Boa noite!

 
 
Boa noite...bons sonhos!




29 de jan de 2013

Faça dieta!


Durma sobre o assunto...acorde a fazer dieta!
Boa noite! Bons sonhos!

Mais um desafio!


Para começar bem a semana, a meio da tarde, recebi uma mensagem escrita do ginásio que frequento...regra geral, acho um piadão, a estas mensagens...pela forma simples e real que utilizam, para motivar e encorajar o pessoal a aparecer, para treinar mais...este recado também é para mim! Não podia deixar de partilhar com vocês!...nada como um desafio como este, para gerir melhor ainda o meu tempo e atingir mais um desafio, de passar de 3 treinos para 5x por semana
Sermos exigentes e disciplinados, é um bom princípio aplicar, em tudo! Uma das chaves para o sucesso, em praticamente todas as áreas, é a autodisciplina!

Encontrei um texto, que nos ajuda a perceber um pouco melhor, em que consiste a disciplina:

“na prática, disciplina é considerada uma qualidade de comportamento, portanto, algo que pode ser modificado a partir da decisão e da persistência firme de cada um de nós”

"O primeiro passo fica claro: é preciso decidir. Decisão é outro conceito que é importante entender. Decisão pressupõe reflexão. É algo pensado e “pesado” na balança dos prós e contras. Decidir ter disciplina significa estar tão consciente de seus benefícios que se faz de tudo para alcançá-los.
“Fazer de tudo” é uma expressão do segundo passo: a persistência. Esta, no entanto, é possivelmente a maior causa do fracasso da disciplina, porque é algo cada vez mais raro. A geração do fast-food, do Google, do Twitter, está acostumada a pegar atalhos, o que é ótimo quando estamos falando em resolver o “agora”. Mas a longo prazo, todos nós perdemos um pouco o sentido de perseverança. Nosso novo modelo mental não está mais disposto a insistir, afinal, sempre tem uma solução bem simples logo ali.
O fato é: não precisamos escolher. Podemos ganhar tempo com o “agora” e também investir tempo no que é importante, persistindo, indo até o final. O segredo para isso também está naquele conceito simples que já citei. É preciso entender que disciplina é comportamento, é algo que pode ser modificado, que se conquista a cada dia.
Essa conquista pode ser mais fácil ou mais difícil dependendo da sua personalidade, do seu estágio de vida. Mas uma coisa é certa: é um desafio para todos. Ler um livro até o final é simples para alguns e para outros é algo raro. Ler “X” livros por ano é uma questão de disciplina. Caminhar 10 quilômetros é simples para alguns e uma tortura para outros. Caminhar todos os dias é disciplina. Basta citar esses exemplos pra lembrar que os benefícios da disciplina são claros. Um livro apenas ou alguns meios livros por ano não vão acrescentar muito à sua cultura. Uma caminhada por semana não vai te colocar em forma. Disciplina é algo que leva um tempo para se conquistar, mas que liberta. Dedicar tempo a algo sem disciplina: isso sim é perda de tempo.
Mesmo depois de ler este artigo é claro que você ou outros podem continuar achando que disciplina ainda é sinônimo de “quartel”, de regras. Na verdade, disciplina é como a imagem dessa escada. Você pode olhar pra ela e ver uma oportunidade de crescer, de avançar ou vê-la como algo que vai te aprisionar. Mas não é com esse blá–blá-blá que você vai concluir algo. É com a prática mesmo.
Experimente na sua vida pessoal e profissional. Como publicitária e criativa, acredito em tudo isso e estou buscando, dia a dia. Acredito inclusive que o estigma de que criativo tem de ser porra-louca, “viajado”, indisciplinado, é coisa do passado. Hoje o profissional que quer crescer em qualquer área, inclusive criação, precisa ter objetivos claros e lutar por eles persistentemente. Tem de conseguir tempo pra tudo e se planejar pra isso. Se criatividade é liberdade, a disciplina é um bom caminho."

http://www.moryando.com.br/2011/09/a-disciplina-liberta/

Aqui fica, a célebre, mensagem escrita:

"Treinar 5x por semana é paranóia?...E passar 7 dias no sofá a comer bolachas é o quê?
...Aparece! Temos sempre um instrutor "faminto" à tua espera! Energiza-te!" Energia Ginásio


28 de jan de 2013

Faça a diferença!


"São os pequenos detalhes, que fazem a diferença!" Paulo Policani

Ontem foi assim...

Eis que surge, um pequeno detalhe...



Tantas vezes fui ao Macdonald's...mas nunca tinha reparado neste pequeno detalhe, aparentemente, mais um simples pacote de batatas fritas...até que fui levada a reparar, através de outros olhos!...uma mensagem, sem dúvida, bonita e importante para reflectirmos! Como alguém disse um dia e muito bem, "as coisas e as pessoas, têm o valor que nós lhes damos"...pensem nisso!!



Uma das ultimas e mais preciosas lições, que a vida me ensinou!
Uma das teorias, mais dificeis de entender, na prática...aqui fica um exemplo: "As pedras preciosas valem mais do que o ouro, o ouro vale mais do que a prata. Mas nem as pedras preciosas nem o ouro, nem a prata têm um valor íntimo se não estiverem no nosso interior. Tudo tem o valor que nós colocamos sobre outro que: é o valor que se convencionou que as coisas tenham."



"Um amigo de verdade, vale mais do que um irmão desatento. Doe sempre mais aos seus amigos demonstrando-lhes o valor da amizade, mas nunca espere ser correspondido. Realmente, a amizade é algo necessário em nossas vidas, uma das maiores manifestações de amor, esvaziamento e doação que podemos oferecer às pessoas que amamos e que queremos bem." (anónimo)



"Se exagerássemos nas nossas alegrias, como fazemos com as nossas perdas, os nossos problemas perderiam toda sua importância" (anónimo)


"As grandes idéias surgem da observação dos pequenos detalhes."

"Os pequenos detalhes são sempre os mais importantes."



Homem sério é assim mesmo, dá prioridade aos detalhes!


Detalhes

"O mestre Okakaru Kazuko reuniu seus discípulos para uma aula muito importante: "Vou ensinar-lhes uma nova maneira de entrar em contato com o Universo", disse, surpreendendo a todos.

Em seguida, Okakaru preparou um chá e serviu a todos. Mas fez isso com tanta formalidade, que terminou obrigando todos os seus alunos a perceberem a importância dos pequenos detalhes na vida quotidiana de todos eles. Na verdade, eles não são pequenos."


"Sou muito lógica, o que me permite ver os detalhes mais estranhos e perceber com clareza o que os outros ignoram." Harry Potter e as Relíquias da morte


"Aprendi que a vida é feita de pequenos detalhes, pequenas subtilezas
Aprendi que num braço de ferro, nem sempre o vencedor é quem ganha
Aprendi que pessoas especiais, te fazem especiais
Aprendi que tenho que estar feliz, para fazer os outros felizes
Aprendi que amigos verdadeiros, é a família, que escolhemos ter
Aprendi um despertar de sentimento puro, Deus não permitiria se não fosse para acontecer
Aprendi que poucas palavras podem expressar grandes sentimentos
Aprendi que o perdão começa de mim e acaba em mim
Aprendi que razão e coração estão sempre em conflito, mas sempre acabam se entendendo
Aprendi que nem sempre promessa que se faz, podem ser cumpridas
Aprendi que saudade é como a lua, tem suas fases, é uma constante
Aprendi que as diferenças podem encaixar na semelhança, ou vice e versa
Aprendi que um pato feio também pode nadar na lagoa
Não importa quantos erros tenho cometido, o que importa é o que aprendemos com eles."

"Detalhes fazem sim a diferença, palavras subtis mudam o dia, um sorriso cura enfermidades, um elogio levanta o astral de qualquer um, uma atitude "boba" pode mudar a vida de quem menos se espera e salvar um coração partido." Victória Ramos

"Analise sempre os detalhes! As pessoas perdem e ganham pelos detalhes dos fatos."


Pequenas coisas...

Detalhes mínimos,

Gestos inquietos que fazem a diferença.

Nos perdemos nos grandes fatos,

E pouco encontramos naquilo que não percebemos:

No pouco visto...no pouco ouvido...no pouco sentido.

Cada passo dado.....é um "rastro" que de nós fica.

E cada rastro que deixamos ,

É um mundo nosso que construímos...

Somos um "mapa":

E só quem tem os olhos da alma,

Consegue desvendá-lo....


Nunca se deixe enganar, por lapsos momentâneos de razão...analise...reflicta...sempre...
ah! Aprenda a ver o mundo com outros olhos e a valorizar os pequenos detalhes...
...afinal, são eles que fazem toda a diferença e nada têm de pequenos!

27 de jan de 2013

Lição do tempo...

 
"Existe um tempo certo para cada coisa, momento oportuno para cada propósito debaixo do sol: tempo de nascer, tempo de morrer, tempo de plantar, tempo de colher." (Bíblia)



Conversando Com Deus - Em Português


Um filme fantástico...o livro melhor ainda!
Tanta verdade junta...
"Preocupação é uma actividade da mente..."
"O que o amor faria agora?"
Fazemos tantas perguntas...e somos detentores de todas as respostas!
Vale a pena, ver o filme e ou ler o livro, e parar para reflectir!

25 de jan de 2013

Rir ainda é o melhor remédio...


Coca-cola emociona, inspira e convoca: vamos enlouquecer!

Esbarrei contra, esta actualização de uma das páginas (comunicadores) do meu feed notícias do facebook...não é que eu beba coca-cola, mas comungo e identifico-me plenamente com todos os spots publicitários que criam, por terem sempre uma mensagem tão importante, humanitária, social, original, fora do normal...ou secalhar, simplesmente, uma mensagem de coragem...acho que é mais isso, perderam-se tantas coisas, pequenos gestos, simples palavras, atitudes...porque deixamos de exercitar a nossa coragem para...se é preciso loucura, para colocarmos em prática, a nossa coragem no dia a dia, então que sejamos malucos o suficiente, para fazermos a diferença neste mundo de coragem e não só...de amor, de amizade, de partilha, de entreajuda...sigamos o exemplo da coca-cola e façamos a diferença...viva intensamente e faça de cada dia o último...ajude, sorria, ame, doe...partilhe...faça o bem e não olhe a quem...no fundo, o vídeo da coca-cola, inspira-nos a isto e muito mais...chega de sermos egocêntricos...afinal o lema é velho "comportamento gera comportamento!"


"O que faz de alguém ser uma pessoa maluca? Falar sozinha? Ver coisas inexistentes? Ter amigos imaginários? Já parou pra pensar que, hoje em dia, pessoas que fazem o bem sem querer absolutamente nada em troca podem ser vistas como malucas?
Vamos enlouquecer, então! Porque o mundo precisa é dessa loucura-do-bem. Esse é o tema da campanha da Coca-Cola: Let’s Go Crazy!
Em um vídeo, em minha opinião bastante bonito e inspirador, a Coca-Cola mostrou pessoas que fazem o bem a desconhecidos por puro prazer e, dessa forma, muitas vezes são vistas como loucas.
Tem gente que paga o pedágio do carro de trás sem sequer conhecer o condutor, distribui a desconhecidos todos os presentes de aniversário que ganha, põe a própria vida em risco para salvar a de outra pessoa e muitas outras “loucuras”.
Dê o play para se emocionar.
 A Coca-Cola também separou alguns desses personagens malucos-do-bem e fez vídeos específicos. Dá para saber mais sobre o Mr. Lucky, que doa a estranhos £ 1000 por dia (ele só pede que façam algo positivo com o dinheiro); a Secret Gardener, que sai nas ruas durante a madrugada com uma peruca rosa para plantar árvores e espalhar sorrisos; e o Swing Guy, que pendura balanças por lugares aleatórios – confesso que me identifiquei muito com esse, pois já tinha pensado na mesma coisa há algum tempo: balanças lembram a infância e, inevitavelmente, fazem as pessoas sorrirem e desestressarem.
No começo do post, eu disse que o vídeo era inspirador, né? Não sei vocês, mas me deu uma vontade louca de sair por aí fazendo o bem!
E aí, você é louco o bastante?




http://comunicadores.info/2013/01/24/coca-cola-emociona-e-convoca-vamos-enlouquecer/

Phil Collins - One More Night (Official Video)

 

Simplesmente linda...
Boa noite! Bons sonhos!

24 de jan de 2013

Gene Loves Jezebel - Break The Chain

 
 Gene Loves Jezebel, brutal!
 Mais uma musica, que marcou, a minha adolescência!
Grandes anos 80, sem dúvida, os melhores do Rock!